Mundo RPG

O Lar do Rpgista Brasileiro
 
InícioPortalGaleriaFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Out 06, 2018 4:52 pm

- Urth, sinto informar, mas já esgotei minha capacidade de ajudá-lo em combate por meio da Arte. Sr. Gendrew, o Sr teria algo que fosse útil para nos engajarmos nessa batalha? - pergunta Fadime

- Minha esposa saiu, mas deixou seu arsenal em casa. Vão encontrá-lo na cozinha! Assim que eu me recuperar, me junto a vocês! - responde o anfitrião.

Fadime então vai para a saída do quarto, mas aguarda sua posição.


________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Out 06, 2018 5:24 pm


Citação :
- Urth, sinto informar, mas já esgotei minha capacidade de ajudá-lo em combate por meio da Arte. Sr. Gendrew, o Sr teria algo que fosse útil para nos engajarmos nessa batalha?

- Minha esposa saiu, mas deixou seu arsenal em casa. Vão encontrá-lo na cozinha! Assim que eu me recuperar, me junto a vocês!


- Se eu fizesse ideia do que iriamos enfrentar, eu teria vindo mais preparado... Contanto que o arsenal dela seja útil e ela não tente nos matar depois, não vejo problemas.

Então os acompanhou até a cozinha, em busca do tal arsenal, caminhando prestando atenção por onde passa, ja verificando se a criatura ou rastros dela poderiam estar pelo caminho.

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Out 06, 2018 7:15 pm

Vocês seguem de volta pelo corredor, e depois pegam o caminho da cozinha. Esta cozinha bem mobiliada parece uma área de desastre. Vasilhas e panelas estão espalhadas, louças de cerâmica jazem despedaçadas pelo chão e ingredientes de todos os tipos estão respingados nas paredes. Uma porta (presumivelmente levando a um porão) possui uma cadeira escorada diante de si, mantendo-a fechada. O ar nesta sala é mais quente do que em qualquer outro lugar da casa e o cheiro de tempero é bem forte.

Citação :
OFF: você está livre para investigar e pode fazer um teste de observar e outro de ouvir, se quiser.

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Dom Out 07, 2018 1:47 am

A cozinha parecia confirmar que foi palco do descontrole da criatura, tendo destruído boa parte dela, alem de deixar o cheiro forte e o calor caracterismo que o dorminhoco havia comentado. Antes de adentrar, combinou com ela o que poderiam fazer, falando em sussurros para ela.

- Tenta achar o arsenal e óleo, vou tentar descobrir se ainda esta ali dentro. Não faça barulho.

Se aproximou procurando fazer silêncio como só ele sabia, indo em direção da porta, fazendo sinal para a garota esperar. Em silêncio, tentou ouvir o que vinha do outro lado e buscou por uma fresta ou vão o qual pudesse enxergar.

Ja que não poderia contar com magia para dar conta daquela criatura, teria que improvisar. Em seu plano, por se tratar de uma criatura feita de condimentos, existia a chance, mesmo que remota, dos condimentos mudarem sua textura ao entrarem em contato com o fogo direto, da mesma forma como uma massa de pão se transforma e endurece.

Levava em conta o "calor" que o homem descreveu que a criatura produzia e o fato dali estar mais quente que o normal, mas foi descrito como o "recheio" estar quente, não sua superfície. Era uma chance, talvez única, mas poderia resultar em algo torrado.


[off: Testes de observar e ouvir, respectivamente]
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
17
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
9

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Dom Out 07, 2018 4:00 am

Enquanto Fadime procura as armas, você analisa o local com calma, e percebe que há sinais de que alguém fora arrastado daqui em direção ao corredor; que há pegadas humanóides que circundam a cozinha e terminam na porta fechada; e que há manchas de molho de tomate em alguns lugares da cozinha, embora você tenha notado que não há ingredientes do molho aqui.

Fadime faz silêncio. Você ouve um som de fogo crepitando vindo do fogão. Da porta não se ouve nada, nem dá pra ver nada através. É uma porta de boa qualidade.

Nisso Fadime acha uma rapier e algumas ferramentas de cozinheiro no chão, que estavam sob os potes de cerâmica quebrados. Ela pega a Rapier para si. Gendrew chega em seguida, com um belo avental como armadura! Ele vai de encontro a Fadime e pega sua Faca de Carne que está no chão e faz sinal positivo com a cabeça para você.


Citação :
OFF: Estão todos à postos, mas você ainda pode escolher o que fazer

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Dom Out 07, 2018 8:27 am

Parece que os rastros indicavam o tal conflito e as marcas de arrastado deveria ser do homem mas pela falta de ingredientes do molho, poderia presumir que seria composição da própria criatura ou que foi tudo gasto jogando encima dele.

Ao ver a forma como estavam "preparados pro combate", sentiu uma forte vontade de simplesmente levantar a cabeça, dizer "tudo bem, por hoje chega" e ir embora, mas isso não ajudaria muito e provavelmente complicaria sua situação, então teriam que dar um jeito a qualquer custo.

Segurou o atiçador com seu braço esquerdo contra o corpo, enquanto a mão direita devagar tira a cadeira da porta, se preparando para abri-la. Olhou para os dois e fez sinal com a cabeça e de uma vez só escancarou a porta, logo buscando o atiçador para se armar e enfrentar a criatura.

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Ter Out 09, 2018 12:55 pm

Todos respiram fundo enquanto você retira a cadeira. Cria-se um clima de suspense absurdo... "Wooganpuuuuuck!" Você abre a porta silenciosamente, e o que vê é um porão que parece que era usado como despensa para alimentos, embora cada prateleira e recipiente aqui tenha sido quebrado em pedaços. De pé e de costas, no centro do recinto, está uma criatura de 2 m de altura que parece feita inteiramente de massa de farinha. Algumas manchas vermelhas pontilham sua crosta bem assada e o cheiro de especiarias fica bem intenso! Sentir o cheiro dessa criatura provoca um êxtase momentâneo, mas o momento é de batalha! Fazendo o mínimo de ruído possível, Vocês conseguem se distribuir pela despensa antes que a criatura os perceba.

Citação :
OFF: Role sua iniciativa e se quiser, já jogue seu ataque e dano.
Se for usar o Homúnculo como arma/escudo, ele tem: Iniciativa +2 - Ataque (mordida)+2 - Dano 1d4-1 - 25PV atuais

Iniciativa dos demais:
Fadime +3:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
11
Gendrew -1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
17
Golem -1: Mas vai agir por último.

Ataques e Danos, caso acertem
Fadime (Rapier) +0:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
18
Dano -1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
6
Gendrew (faca de carne) +4:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
3
Dano:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
1

Golem escolherá um oponente aleatoriamente (Gendrew Nº 1 e 2 - Fadime 3 e 4 - Urth Nº 5 e 6):
Quantidade aleatória (1,6) :
6
Golem 2 pancadas +5:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
11
Dano +1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d8.) :
7
+ "fogo":
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
2

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Qua Out 10, 2018 1:00 am

[b] Ao abrir a porta, imaginou que a criatura saltaria em sua cara ou algo do tipo, mas para sua sorte era apenas uma escada descendo até o porão, local de antiga dispensa e atualmente destruido pela criatura.

Foi avançando com cuidado porem decidido, imaginando como deveria ser a criatura, talvez algo do tamanho de uma panela ou algo assim, mas imediatamente ficou perplexo ao ver a criatura com seus quase dois metros de altura, vindo um unico e simples pensamento em sua cabeça.

- Quantas carroças de farinha esse desgraçado usou !?

Passado o susto momentâneo, se recompôs e avançou silenciosamente, tentando atacar a criatura por trás ainda de surpresa com o atiçador, mas caso a criatura o atacasse antes, iria se defender com seu braço esquerdo, mas evitando de usar a criatura como escudo, pois ainda não era hora de usa-lo.

[off: Teste de iniciativa, ataque e dano, respectivamente]
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
17
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
15
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
4

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Qua Out 10, 2018 3:27 am

Citação :
OFF: Ordem das ações, segundo as iniciativas:
21 - Urth
16 - Gendrew
14 - Fadime
último - Golem

Você age diligentemente e atinge a criatura com o atiçador, ferindo-a imediatamente! Porém, do furo que fez em sua cobertura de queijo, respinga molho de tomate em ponto de ebulição, que atinge todos na despensa, causando dano mínimo.
Na sequência, Gendrew avança com sua bela faca de carne contra a criatura, mas o respingo do molho o distrai e o faz escorregar no queijo derretido no chão, o que o obriga a se equilibrar e fazer outro ataque.
Fadime, por sua vez, mesmo sendo atingida pelo molho quente, não se deixa abater e atinge a criatura com a Rapier penetrando a camada crocante dela, que, da mesma forma que aconteceu com você, acontece com ela, e respingos do molho de tomate borbulhante os atinge novamente, causando dano mínimo.
O Golem avança contra você, erque os membros deformados e desfere um ataque, mas erra inabilidosamente!
"Woganpuuuuuuk" Grita o projeto de morcego em sinal de alívio!


Citação :
OFF: Ataques e Danos, Na segunda rodada
Urth: Jogue seu ataque e dano
Gendrew (faca de carne) +4:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
8
Dano:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
2
Fadime (Rapier) +0:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
5
Dano -1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
4
Golem 2 pancadas +5:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
15
Dano +1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d8.) :
1
+ "fogo":
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
4
[/quote][/quote]

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Qui Out 11, 2018 7:11 pm

A furtividade rendeu um belo ataque na criatura, entretanto pela sua constituição, o inesperado acontece e logo respingos de seu interior começam a voar pelo local, atingindo a todos com suas deliciosas vísceras quentes, como uma torta de maçã recém saída do forno.

- Merda, essa coisa mais parece uma torta do que uma massa... Ja era para estar dura do lado de fora, mas ainda assim ta se mexendo... Alguém ache um balde de água!

Falou tarde, Fadime havia acertado-o e novamente o delicioso sangue da criatura respingou sobre todos. Ou teria que causar um dano considerável a ponto de arrancar os membros ou cada pequeno golpe iria criar uma chuva quente de recheio sobre todos.

- Mira nas pernas dele! Vamos de baixo pra cima, assim respinga menos!

Disse ele tentando acertar a perna, tentando alguma região onde deveria ser o joelho da criatura, golpeando novamente com o atiçador e se preparando para a possível reação dela.


[off: Roll de ataque e dano]
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
8
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
4

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Out 13, 2018 12:35 am

Parece que foi só você falar, para todos escorregarem no molho espesso que respingou no chão, o que impediu que fizessem seus ataques contra a criatura! Porém a ela, acontece o mesmo, a proteção que Fadime lançou sobre você na batalha anterior tem se mostrado deveras eficiente neste momento!

Citação :
OFF: Ataques e Danos, Na terceira rodada
Urth:  Jogue seu ataque e dano
Gendrew (faca de carne) +4:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
12
Dano:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
4
Fadime (Rapier) +0:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
16
Dano -1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
3
Golem 2 pancadas +5:
Erulindya efetuou 2 lançamento(s) de dados (d20.) :
1 , 9
Dano +1:
Erulindya efetuou 2 lançamento(s) de dados (d8.) :
6 , 6
+ "fogo":
Erulindya efetuou 2 lançamento(s) de dados (d4.) :
2 , 4

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Ter Out 16, 2018 11:28 pm

O inesperado acontece e todos acabam indo ao chão devido aquela situação inusitada, inclusive a própria criatura, facilitando assim o trabalho de Urth, que imediatamente se pôs a atacar de forma semelhante aos seus vizinhos bárbaros de sua terra natal, atacando como alvo os membros da criatura para inutiliza-los ou mesmo arranca-los aos golpes do atiçador, tirando proveito que a proteção ainda estava lhe ajudando, dessa forma pretendia dar um fim a possibilidade de reação dela.

- Se afastem porque vai jorrar molho !!!


[off: Roll do ataque]
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
10
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
3

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Qua Out 17, 2018 1:37 am

Citação :
OFF: estou imaginando que você está sentado, em cima da criatura...

Eles entendem que devem esperar você atacar, para depois fazerem o mesmo, mas seguem o roteiro, atingindo a criatura por baixo, para que os respingos caiam direto no chão. Eles se posicionam para suas costas, usando-o como escudo, tentando um ataque combinado no mesmo ponto que você atinge. Você consegue causar dano na criatura, que urra, se "esperneia" e solta molho quente em você. Gendrew e Fadime atacam em seguida, causando mais dano ainda e conseguem cortar um dos "braços". Do ponto onde o membro foi decepado, sai muito molho e vapor quente! A criatura tenta atacá-lo com o membro que sobrou, mas erra, como se o recheio perdido, tirasse um pouco de sua força... "Wooganpuuuuck!!!!" - reclama o "morcego"

Citação :
OFF: Ataques e Danos, Na quarta rodada
Urth:  Jogue seu ataque e dano - e faça um teste de observar e/ou sentir motivação, se quiser
Gendrew (faca de carne) +4:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
18
Dano:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
2
Fadime (Rapier) +0:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
3
Dano -1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
4
Golem Teste de vontade +2:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
7
Ataque, caso não passe no teste: 1 pancada +5:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
11
Dano +1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d8.) :
8
+ "fogo":
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
4

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sex Out 19, 2018 1:15 am

[off: na verdade não imaginei que conseguiria subir encima dela, mas melhor assim =D ]

Provavelmente o deposito deveria estar começando a virar um mar de molho de tantos golpes que eles tentavam dar na criatura, que esperneia e jorra seu molho. Caso fosse uma criatura qualquer, como um humano ou orc, provavelmente aquele local passaria a ser considerado nefasto e digno do mais vil necromante, mas por sorte eram apenas especiarias...

Com a situação parcialmente controlada e a criatura vulnerável, se permitiu dar uma rápida olhada ao redor, buscando por algo mais útil do que o atiçador. Nada pessoal contra a ferramenta, ela se mostrou ótima ate aquele momento, mas ainda assim preferia algo mais cortante. Caso encontrasse, tentaria pegar e usar contra a criatura, dessa vez cortando-lhe outro membro, uma vez que quanto mais molho ela jorrava, mais fraca se tornava.

Reparou os dois atras de si, usando-o como escudo. Foi bem pensado da parte deles, embora particularmente preferia usar o cozinheiro como escudo uma vez que ele foi o responsável por aquilo, mas havia prometido resolver o problema e não criar um novo...

E falando em problemas, a criatura em sua mão gritava, provavelmente havia notado algo ou em pânico devido ao combate, estranhando e tentando notar se havia algo de errado com ele ou ao redor.


[off: Teste de Observar
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
7

Teste de Sentir emoção
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
18

Teste de Ataque
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
11

Teste de dano
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
3

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Out 20, 2018 12:40 am

Sua mente afiada lhe permite perceber que, por um breve momento - mas muito breve mesmo, enquanto o 'projeto de familiar morcego' resmunga "Wooganpuuuuck!!!!" a criatura se acalma, o que o faz deduzir que tem dedo ou baba de morcego nele, do contrário não reagiria dessa forma. Mas provavelmente, por causa dos ataques constantes, ela continua reativa.

Citação :
OFF: o que te leva a um teste de inteligência, caso você não tenha concluído nada.

Você desfere outro ataque, e nisso Gendrew o acompanha finalmente acertando um golpe na criatura, deixando-a mais furiosa; ao passo que Fadime, devido ao contorcer da criatura, erra seu ataque. Você percebe que a criatura está inchando o local onde poderia considerar ser o tronco e abrindo a boca para você.


Citação :
OFF: Ataques e Danos, na quinta rodada
Urth:  Jogue seu ataque e dano - e faça um teste de fortitude
Gendrew (faca de carne) +4:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
19
Dano:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
4
Fortitude +4:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
15
Fadime (Rapier) +0:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
18
Dano -1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d6.) :
5
Fortitude -1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
17
Golem > Sopro +
1 pancada +5:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
8
Dano +1:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d8.) :
3
+ "fogo":
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
3

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Out 20, 2018 11:40 pm

Ao reparar na reação da criatura ao ouvir o morcego gritar, imediatamente percebeu que uma suspeita que brevemente tinha lhe ocorrido, se tratando justamente da "coincidência" da criatura estar ali justamente quando o café da manhã ganhou vida. Urth não acredita em coincidências.

- Parem de atacar! Esperem!

Imediatamente parou também seu ataque, tentando sair de cima da criatura até por receio de que ela poderia vomitar nele, ainda a encarando defensivamente, mas sem ataca-lo, enquanto aproximou sua mão esquerda segurando o morcego e falando para ele num tom firme.

- Manda ele ficar parado ou eu vou gritar de novo no seu ouvido e te mergulhar nas tripas quentes dele...

Queria testar sua hipótese, provavelmente a pequena criatura era a responsável pela aberração gastronômica e, por consequência, parecia ter algum tipo de influência ou até mesmo controle sobre a criatura por conta da reação de ambas. Era apenas uma hipótese, mas uma vez confirmada, poderia encerrar a situação muito mais rapidamente.


[off: Teste de Fortitude]
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
7

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Dom Out 21, 2018 4:01 am

Citação :
OFF: acabei de lembrar que morto vivo é imune a essas habilidades... sorry, falha minha. Rolling Eyes

Citação :
- Parem de atacar! Esperem!

Todos param de atacar, mas não a tempo de evitar que seu oponente "bafore" vapor quente e aromatizado. Uma pessoa normal, nessas condições, certamente passaria mal, mas não Gendrew, um amante da boa gastronomia. Ele fica simplesmente maravilhado com o que essa criatura pode fazer e comenta triste:

- se essa criatura não estivesse descontrolada, seria perfeita para chamar os clientes para comprarem aqui...

Fadime se protege do vapor e do cheiro forte usando a capa de sua robe.

Citação :
- Manda ele ficar parado ou eu vou gritar de novo no seu ouvido e te mergulhar nas tripas quentes dele...

A criaturinha faz um sinal negativo com a cabeça, mas faz o que você manda: Woganpuuuuuuck! Puck! - resmunga.

Citação :
Teste de fortitude da Pizza ambulante +2:
Erulindya efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
6



________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Seg Out 22, 2018 5:50 pm

A criatura soltou seu hálito temperado, para deleite do cozinheiro que quase delira com o aroma, enquanto Urth fica apenas a imaginar se ele continuaria tão feliz assim se tivesse tomado o hálito na cara como ele, ainda mais naquela temperatura. Agradeceu ao fato de ser o que é...

O "morcego" colaborou e a criatura parecia ter parado por um instante. Aproveitou para se levantar e calmamente andar, se aproximando mais da altura da cabeça com ar curioso para ver bem o ser, com o atiçador para baixo para não parecer ameaçador, usando uma fala mansa e entonação tranquila.

- Olha meu amigo, não me entenda mal. Você causou uma zorra, sabe, quebrou as coisas, atacou gente, e ainda por cima esta sob controle desse mago maligno, é uma pena ter que pensar que...

Usou sua fala, sincera, para tentar focar a atenção da criatura e então de súbito atacou-lhe a cabeça, golpeando repetidas vezes, tentando ser um pouco mais "misericordioso" com a criatura e colocar um fim a sua existência.


[off: se precisar d outro teste além do ataque, me avise ou se quiser pode rolar por mim pra adiantar ^^]
Teste de Ataque
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d20.) :
18
Dano
DEATH efetuou 1 lançamento(s) de dados (d4.) :
2

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Ter Out 23, 2018 2:51 am

Por mais incrível que possa parecer, seus ataques contínuos surtem um efeito tão devastador na criatura que esvai-se em molho de tomate picante e queijo de rothé derretido misturado a uma massa de trigo crocante e quebrada por todo o recinto... Gendrew, com a ponta da faca, pega um pouquinho do monte que não tocou o chão e experimenta. A cara de satisfação que ele faz é tamanha, que Fadime faz o mesmo. E também se surpreende. Ele diz, enquanto começa a catar alguns vidros quebrados:

- Preciso repetir essa receita e levá-la ao Soberano. Mas na próxima vez, sem tanta destruição!
- Hummmmmm! Preciso aprender essa receita! Por favor, Sr. Gendrew! - Diz Fadime, comendo mais um pouquinho...- ...me ensine!
- Será um prazer, My Lady! Inclusive, podemos fazer outra hoje ainda, depois que limparmos tudo! Vamos, Nosso tempo está curto!

De repente, o morceguinho na sua mão olha pra você, resmunga e tenta fugir a qualquer custo, como se pressentisse algo muito ruim, e então ele também se esvai transformando-se numa gosma preta fedida que escorre pela sua mão, empesteando as faixas que cobrem sua mão com um aroma fétido e empregnando-as com uma mancha escura que se sobrepõem às manchas do molho de tomate adquiridas durante a batalha.

- Nossa, isso foi... Nojento! Melhor você lavar isso daí antes de me ajudar com a limpeza! - Diz a você apontando a direção da pia - na cozinha, depois vira-se para Fadime - E você, jovem Lady, pegue um daqueles frascos que ficaram no quarto e beba. Vai ajudar com o ferimento.
- Quer ajuda com as faixas, Urth?
- Seu Amo já é crescidinho, não, My Lady? - fala com ar de graça - Cuide-se primeiro, ele vai saber se virar.

Fadime sorri timidamente, faz um sinal positivo com a cabeça e segue a orientação de Gendrew. Este abre um compartimento na despensa e saem de lá uma vassoura e uma pá que começam a varrer todo pó e caco de vidro espalhado pelo chão. Ele se ocupa de pegar as panelas e potes de vidro maiores por serem mais pesados.

Citação :
OFF: Está livre para agir.

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sex Out 26, 2018 1:17 am

quote]- Preciso repetir essa receita e levá-la ao Soberano. Mas na próxima vez, sem tanta destruição!
- Hummmmmm! Preciso aprender essa receita! Por favor, Sr. Gendrew! ...me ensine!
- Será um prazer, My Lady! Inclusive, podemos fazer outra hoje ainda, depois que limparmos tudo! Vamos, Nosso tempo está curto![/quote]

Ao que parece, acabou sendo o único de fora da diversão, tendo ficado com todo o trabalho pesado. Mas para sua satisfação, os dois pareciam bem o suficiente para se alegrar com aquilo, então se contentaria com o sabor do sucesso.

Entretanto, a criatura em sua mão parecia ter tomado um destino semelhante, desaparecendo uma gosma preta sem que Urth tivesse tido oportunidade de quebrar-lhe o pescoço como merecia.

- Mas que bosta... Estava doido para brincar mais um pouco com ele... Deve ter passado do ponto...


Citação :
- Nossa, isso foi... Nojento! Melhor você lavar isso daí antes de me ajudar com a limpeza! - E você, jovem Lady, pegue um daqueles frascos que ficaram no quarto e beba. Vai ajudar com o ferimento.
- Quer ajuda com as faixas, Urth?
- Seu Amo já é crescidinho, não, My Lady? - Cuide-se primeiro, ele vai saber se virar.


- Não precisa, eu me viro.

Disse ele um tanto preocupado, pois gostaria de não revelar sua identidade a qualquer um, ainda mais em uma terra onde não sabe como seria a reação das pessoas quanto ao seu estado. Decidiu se certificar que o homem não iria bisbilhota-lo e iria tentar limpar sua mão da maneira que conseguisse, pois só teria como tirar os panos depois, em segredo quando se juntassem novamente a Kharin.

A questão estava parcialmente resolvida, ameaça havia sido destruída, mas o responsável ainda não havia sido pego e a "testemunha" havia sido derretida em sua mão. Teriam agora que buscar informações sobre seu paradeiro e se possível coisas uteis como poderes ou aliados.

- Ja que não temos mais nosso pequeno delator, sabe onde podemos achar esse tal "Uogapug"?

Perguntou ele alto, para que o cozinheiro louco respondesse de onde estava, ja se preparando para esconder a mão caso ele se aproximasse.

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Out 27, 2018 10:02 pm

Urth escreveu:
- Ja que não temos mais nosso pequeno delator, sabe onde podemos achar esse tal "Uogapug"?

- Apesar de andar um com uma Maga Vermelha, você parece não conhecer muito sobre a Arte, não?

Faz uma pausa na limpeza, vai até a porta da despensa, onde pode ter contato visual com você e prossegue:

- Para o Familiar dele ter derretido, algo muito grave aconteceu! Se ele morreu, finalmente poderemos viver uma vida simples e em paz!

Então ele volta à tarefa de limpar a casa. Fadime por sua vez parece bem melhor e vem auxiliar você com a limpeza das faixas, pegando uma escova e esfregando o melhor que pode para que a gosma grudenta saia.

- Que história foi essa de Amo, Urth? - Fala desconfiada - E então? Deu pra aquecer o "esqueleto"?

Gendrew grita lá de dentro:

- Ah, esqueci de avisar: Fiquem longe do forno, há um elemental do fogo morando nele e ataca se perceber que não sou eu..

Citação :
OFF: Está livre para agir.
[/quote]

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Out 27, 2018 11:52 pm


Citação :
- Apesar de andar um com uma Maga Vermelha, você parece não conhecer muito sobre a Arte, não?

- Para o Familiar dele ter derretido, algo muito grave aconteceu! Se ele morreu, finalmente poderemos viver uma vida simples e em paz!


O homem parecia trata-lo como simplório e desconhecedor do mundo arcano, mas informações como aquela ele ainda se lembrava, meio que vagamente, de sua época dos estudos na academia, lembrando-se pouco mas o suficiente para saber e responder a altura.

-Estou familiarizado com as criaturas e a ligação com o mago, mas a destruição da criatura não tira a validade de meu questionamento, pois o mago pode ter desfeito o pacto com a criatura ou ter sido morto por um terceiro, que o usava como peão, provavelmente alguém ainda mais perigoso do que ele, não concorda? Por isso que seria interessante, nem que fosse apenas achar a carcaça dele...

Respondeu a altura, mostrando que não buscava apenas explicações simples ou soluções fáceis, afinal quando estava "a serviço" costumava levar a serio seu trabalho, agindo profissionalmente. Foi então que Fadime se aproximou, fazendo uma brincadeira por conta do que o cozinheiro havia dito e não perdeu a oportunidade de tirar sarro também.


Citação :
- Que história foi essa de Amo, Urth? - E então? Deu pra aquecer o "esqueleto"?


- Contanto que você goste de caras magros, posso mostrar meu "fogo"...

Respondeu ele tentando fazer uma voz de flerte, mas caindo na gargalhada logo depois, não aguentando a própria brincadeira. Infelizmente esse tipo de assunto não fazia mais parte de seu cotidiano, então nem passava pela sua cabeça algo assim e seu corpo nem reagia quanto a isso. Com a ajuda dela, terminou de limpar as faixas, restaria agora apenas que secassem ao vento.


Citação :
- Ah, esqueci de avisar: Fiquem longe do forno, há um elemental do fogo morando nele e ataca se perceber que não sou eu..


- Fique tranquilo, não iremos tocar em nada... Acho que já terminamos por essa manhã. Vamos so pegar nossa recompensa e irmos encontrar com o soberano para informar o ocorrido.


[off: Caso não aconteça mais nada ou ela não tenha mais nada pra fazer, ele pretende voltar e informar o ocorrido...]

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Dom Out 28, 2018 1:45 am

Urth escreveu:
-Estou familiarizado com as criaturas e a ligação com o mago, mas a destruição da criatura não tira a validade de meu questionamento, pois o mago pode ter desfeito o pacto com a criatura ou ter sido morto por um terceiro, que o usava como peão, provavelmente alguém ainda mais perigoso do que ele, não concorda? Por isso que seria interessante, nem que fosse apenas achar a carcaça dele...

- Não tinha pensado por esse lado, Beduíno. Isso mostra como seu povo é sábio.

Urth escreveu:
- Contanto que você goste de caras magros, posso mostrar meu "fogo"...

Fadime ri bastante junto com você, talvez a gargalhada mais sincera que você viu dela até hoje, neste curto período de convivência.

- Acho que estamos conhecendo um Urth Wolfgan diferente, não?

Urth escreveu:
- Fique tranquilo, não iremos tocar em nada... Acho que já terminamos por essa manhã. Vamos so pegar nossa recompensa e irmos encontrar com o soberano para informar o ocorrido.
a Maga dá uma cotovelada em você

- Não é assim que se negocia em terras estrangeiras, Urth!

Fadime mal termina de falar, e vocês ouvem um estampido vindo da sala e uma voz feminina esbaforida:

- GENDREW!!! GENDREW!! Pelos Deuses, cheguei tarde!

Então os passos se aproximam da cozinha e Gendrew vai ao encontro da mulher:

- Andolyn!!! Estou aqui, estou bem, meu amor!

Ela parece uma Conhecedora da Arte de longa data, veterana de guerra. Alta, Cabelos ondulados, castanho escuros, compridos, soltos. Usa um arsenal de itens mágicos ( off: supondo que você use detectar magia nela ) é quase um "enfeite dos festivais de Liira" na sua frente. Traja vestes leves, sem armadura, muito elegante. O casal se abraça.

- Temi por sua vida, meu amor! - Olha para vocês e encara Fadime - O que esses forasteiros... O que essa Maga Vermelha faz aqui? - Apontando uma das varinhas na direção dela.

- Amor, calma! - abaixando o braço dela - Eles salvaram minha vida! E limparam a casa!

- Sou grata por sua atitude altruísta, mas... devem partir. - Ela não aceita muito bem a notícia - Se precisarem de algo ficarei feliz em fornecer.

- Andolyn... - respira fundo e tenta acalmar os ânimos - Por favor, podem reportar o acontecido ao soberano, mas antes de partirem de Mulhorand passem aqui, para não irem embora de mãos abanando.

Citação :
OFF: Está livre para agir.

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Nov 03, 2018 1:39 am

Citação :
- Não tinha pensado por esse lado, Beduíno. Isso mostra como seu povo é sábio.

Ficou satisfeito com a resposta do homem que pareceu reconhecer seu conhecimento sobe o tema, náo se tratando de um leigo qualquer, e deixaria ele pensar que se tratava realmente de um beduíno, para manter o disfarce e poupar de longas explicações desnecessárias.

Citação :
- Acho que estamos conhecendo um Urth Wolfgan diferente, não?

A risada de Fadime mostrou um outro lado da garota, relembrando-o dos velhos tempos, onde até mesmo trapalhadas como aquela da cozinha eram comuns, sempre algum imprevisto e algo engraçado acabava por acontecer enquanto que ele costumava fazer piadinhas assim, embora na minoria das vezes acabava por render algum diversão a noite nos quartos das tavernas...

- Tenho inumeros lados, senhorita, cada um tem meu lado que merece hehehe

Brincou novamente, mas dessa vez interrompido pela mulher do cozinheiro que chegou parecendo uma tempestade, atrasada porem preocupada com o marido e pela aparëncia do que poderia sentir magicamente estava devidamente preparada, muito mais do que ele com aquela faca de cozinha...

Ouviu o dizer da mulher com um certo repudio, pois notou a reação da mulher ao notar Fadime e uma mudança no tom de voz, insistindo para partirem. O cozinheiro logo tentou apaziguar, e apenas em respeito a ele decidiu não responder a ela como deveria.

- Estamos de saída, iremos reporta-lo. Mas da proxima vez poderia servir um prato que
não tentasse me devorar? Até agora estou com o halito dele em minhas narinas hehehe


Brincou com o homem, ignorando um pouco a presença dela, fazendo sinal para Fadime para irem para o soberano e relatar o ocorrido. A figura do atacante ainda permaneceria um misterio para Urth, mas na melhor das hipóteses teria sido morto por outro e provavelmente so voltaria a agir quando a comitiva estiver bem longe dali.


[off; Me perdoe o sumiço, aconteceram uns problemas no meu pc e nao consegui entrar esses dias, mas resolvi e estou d volta ]

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sab Nov 03, 2018 7:45 pm

Urth escreveu:
- Estamos de saída, iremos reporta-lo. Mas da proxima vez poderia servir um prato que
não tentasse me devorar? Até agora estou com o halito dele em minhas narinas hehehe

Fadime riu junto, mesmo o clima estando meio tenso...
Vocês saem da cozinha em direção à biga que está lá fora à espera dos dois e vêm, em cima da mesa de centro, uma cabeça de um sujeito, que vocês deduzem ser o tal do Wooganpuck.


Lá fora, Lathander-Re está mais altivo e emanando mais calor. Os animais estavam comendo uns arbustos próximos. Vocês sobem na biga e põem-se a fazer o caminho de volta ao Palácio Real. No caminho, as pessoas estão mais aliviadas, mas não deixam de demonstrar desconforto com sua passagem.  Quando estão saindo do Distrito Mercantil, uma outra biga vem em sentido contrário e um "Nobre" com armadura de escamas douradas, coroa azul com entalhes em ouro, e cabelo comprido trançado ordena que seu servo refreie os cavalos quando se alinham a vocês:

Ele fala com tom bem agressivo:

- Alto lá, Cria de Thay! Como ousa trafegar em território Mulhorand usurpando uma Carruagem Real? Achaste que sua presença dissimulada não seria notada?
- Sinto muito, Alteza, mas creio que houve um equívoco... Estamos aqui com a permissão do Soberano! - Fadime toma a frente.
- Cale-se, Cria de Thay! Zombas de minha inteligência se achas que acreditarei em suas torpes palavras!

Ele faz um sinal para o servo dele, que aproxima a biga do Nobre e toma os arreios dos animais que puxam a sua biga para si e amarra-os na lateral dele.

- Levarei-os para uma audiência com o Soberano agora mesmo!
- Perdão, Alteza, Mas nos dirigíamos justamente para lá! - Prossegue a Maga.
- Cale-se, Cria de Thay! Já a adverti! Você e seu escravo estão sob minha custódia agora!

Citação :
OFF: Está "livre" para agir se quiser.

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Dom Nov 04, 2018 2:15 am

Citação :
- Alto lá, Cria de Thay! Como ousa trafegar em território Mulhorand usurpando uma Carruagem Real? Achaste que sua presença dissimulada não seria notada?
- Sinto muito, Alteza, mas creio que houve um equívoco... Estamos aqui com a permissão do Soberano!
- Cale-se, Cria de Thay! Zombas de minha inteligência se achas que acreditarei em suas torpes palavras!


- Era só o que faltava, um reforço retardatário e retardado...

Pensou ele ao ver aquela cena, do que deveria ser um "nobre" pela sua vestimenta e forma arrogante de falar, pensando em responder a altura quando falou sobre sua "inteligência" mas poderia trazer problemas para a garota. Em vez disso, se abaixou e falou baixo com ela.

- Não esquente, esse ai tem cara de burro e preguiçoso, não vai fazer as coisas por conta própria...


Citação :
- Levarei-os para uma audiência com o Soberano agora mesmo!
- Perdão, Alteza, Mas nos dirigíamos justamente para lá!
- Cale-se, Cria de Thay! Já a adverti! Você e seu escravo estão sob minha custódia agora!


Dito e feito, pois o servo é quem faz o trabalho de prender a biga enquanto continua um discurso triunfal sobre dois suspeitos. De todo não poderia culpa-lo, afinal não estava com o grupo quando o soberano deu a ordem, mas ainda assim não passou pela sua mente minuscula a possibilidade deles estarem dizendo a verdade e poupar-lhe de um constrangimento. Novamente falou baixo para ela apenas.

Relaxe, arrumamos um criado refinado que irá nos escoltar até o soberano, isso vai nos poupar de passar por varios guardas hehehe

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Seg Nov 05, 2018 4:06 am

Fadime ratifica baixinho, em tom de riso:
- Se houvessem mais criados como esse, ninguém precisaria de escravos...

A escolta segue em silêncio até as dependências do Palácio, onde Horustep os aguarda ansiosamente. Quando o "Criado Refinado" adentra a antecamara da sala do trono, se faz anunciar como de costume, então dois guardas se adiantam e fazem conforme o protocolo:

- Ó, Amado de Ptah, Horus Vivo... Eis que se apresentam o Supervisor dos Tesouros Reais Ramas Teth-Ankh e seu servo Thulsa de Unther e a Acompanhante da Diplomata Thayana Kharin, Fadime de Thay e seu Escravo Urth!

Com a permissão concedida, você adentram a sala do trono, onde o Faraó desce de seu posto real e recebe o "Criado" com um forte abraço e um sorriso!

- Ramas!- diz o Faraó ao "Criado" - Que boas notícias traz meu fiel Supervisor dos Tesouros Reais?
- Soberano! Estava a conduzir as tarefas como de costume quando ouvi uma grande explosão e fui investigar. Então no caminho, encontrei estes meliantes - apontando pra você e Fadime -  que não satisfeitos com o transtorno causado, ainda ousaram subtrair uma biga de suas reais posses! Então os trouxe para o devido julgamento e condenação por parte de sua Magnânima Sabedoria, Ó Favorito de Toth!
- Engana-se Profundamente, Meu caro...- colocando uma das mãos no ombro dele e se dirigindo a vocês - Eu os aguardava ansiosamente para reportar o acontecido... - Faz uma pausa e prossegue em tom mais altivo - E então? O que foi a explosão? Meus cozinheiros reais estão bem?
- Soberano... - Diz Fadime se curvando - Chegamos à tempo de controlar a situação e salvar a vida do Cozinheiro Real. O almoço real, porém, foi adiado pois o prejuízo do ataque foi justamente na refeição que o Soberano faria com Minha Senhora Karin!
- Por Rá! - respira aliviado - Ramas! Sua visita foi providencial! Meu cozinheiro pode precisar de mantimentos da melhor qualidade! Forneça a ele o que for preciso! Parta o quanto antes!

Ele não concorda, mas obedece. Na saída, dá uma olhadela para vocês e fecha a cara. O Faraó então volta sua atenção à vocês:
- Estou em divída com vocês! Porém, ordeno que permaneçam mais um dia para que concluamos a negociação!

Ele bate palmas, e dois escravos vestidos com saia de linho branco veem ao seu encontro.
- Providenciem um banho revigorante para a Assistente e o auxílio que o escravo dela necessitar!
- Soberano - Diz Karin se curvando - Permita que eu me retire, minha assistente está ferida e desejo auxiliá-la...
- Pode se retirar!

Então os cinco vão para o mesmo quarto onde passaram a noite, Kharin finalmente pode falar abertamente com vocês enquanto os escravos não chegam com o banho:
- Pelos Deuses, Karin! - Verificando o local da mancha de sangue - Mal sai do quarto de estudos e já se machuca a esse ponto? Urth! Onde estava que não a protegeu?
- Estou bem, Kharin! - responde abraçando-a - Urth foi meu escudo e Gendrew gentilmente cedeu suas poções antes de voltarmos! Ele nos dará uma aula de culinária! - finaliza com brilho nos olhos!

Os escravos chegam com outras duas mulheres e Fadime tem um breve momento de "Spa" enquanto que você tem suas vontades atendidas. Kharin pergunta dos pormenores da missão...

Citação :
OFF: Fim da Missão! Parabéns! É o primeiro a ganhar XP! Enquanto eu calculo, você está livre para agir, se quiser.

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Qua Nov 07, 2018 12:10 am

Acompanhou e ouviu atentamente o soberano instruir o homem a respeito do quão enganado estava após ser desmentido pelo próprio soberano sobre a identidade dos dois. Se não fosse causar algum tipo de desconforto ou constrangimento, faria questão de exibir seu eterno sorriso sarcástico em seu rosto em direção ao homem, mas não deixaria de olhar para a cara fechada do homem, algo dizia que infelizmente ainda voltaria a vê-lo...

Quando finalmente se retiram, logo  é questionado por Kharin sobre o ferimento de Fadime, a qual o defende relatando seu papel como protetor durante o confronto.

-  Fiz o que pude sabe... Sorte que sou magro, não foi difícil dela me levantar e me usar como escudo, mas acho que ela precisa melhorar mais o bloqueio lateral viu... hehehe

Acabou tirando sarro fazendo um trocadilho, mas com a chegada dos escravos, se contentou em revisar suas magias, principalmente aquela nova de teleporte, e meditar. Iria esperar até que tudo ficasse apenas eles para poder tirar um pouco aquela bandagem e roupas para limpar-se adequadamente, afinal ainda conseguia sentir o cheiro da monstruosidade alimentar exalando de si...

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Erulindya
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 532
Idade : 37
Localização : Futura cidade Egípcia de Akhenaton
Data de inscrição : 17/03/2015

Ficha
Nome: Erulindya
Raça: Elfo
Classe: Bardo

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Qui Nov 08, 2018 2:58 am

Os escravos ficam à sua disposição, colados como uma sombra em você. Se faz que vai pegar um pergaminho, um deles o pega primeiro para você; Se faz que vai pegar um frasco, outro pega-o primeiro para você; se vai se sentar, eles arrumam a cadeira para você, e por aí vai...

Já Fadime, em companhia das escravas, aí no quarto mesmo, porém mais para perto das janelas, é despida e limpa, todo seu corpo é besuntado de um óleo aromático, depois massageado e em seguida vestida com outros trajes, pois a sua indumentária foi levada para "desinfecção". Kharin, aceita apenas a massagem - sabe-se lá quando teria uma oportunidade dessas novamente - e pega um frasquinho de essência para si... Após a sessão de relaxamento, você só reconhece a Maga por causa da altura e das tatuagens no escalpo... Uma seda branca quase transparente envolve delicadamente o corpo dando um ar muito mais leve e alegre e o fato de estar paramentada reforça o semblante altivo e nobre que ela naturalmente esboça. Você vê, por uma fresta ou outra das camadas do tecido, que o local onde deveria haver uma ferida ou cicatriz, na verdade está sem marcas, como se nunca houvera entrado em batalha!

Passa um tempo, e um outro escravo bate na porta, avisando que o Soberano deseja lhes falar. Escoltados até a sala do trono, e feitas as devidas formalidades, estão aguardando-os Horustep, e Teth-Ankh com seu servo. O Faraó, confiante diz:

- O Supervisor Tesouros Reais informou-me que o Cozinheiro Real já está munido de todos os ingredientes necessário para o tão esperado banquete! Pernoitem esta noite no palácio, e assim que Rá nos abençoar com sua presença, partimos para o Festim Real e às negociações! Podem se retirar!

De volta ao quarto, Fadime se senta na cama e pega aquele livro enorme que tem carregado toda a viagem. Ela dá uma olhada pra você, sorri, então desencaderna-o, e tira uma folha dele. então pega um pergaminho em branco, e vai em sua direção. Então diz:

- Esta página, ensina tudo o que precisa saber sobre aquela magia ofensiva que usei na casa do Gendrew. Estude-a, transcreva-a e quando sentir que compreendeu o suficiente, vamos praticar.

Então, ela volta para a cama e concentra-se nos seus estudos. Kharin fica um tempo na janela vendo o sol se por, depois vai para a cama e fica deitada olhando para cima... Depois fica te observando.

Citação :
OFF: está livre para agir

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://erulindya.deviantart.com/
DEATH
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1102
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   Sex Nov 09, 2018 11:49 am

acabou ficando desconcertado com aquele "tratamento especial", pois de uma forma geral sempre foi mais simples em seu comportamento, do tipo que prefere dormir encostado em uma árvore à luz da lua e o barulho de uma taverna bem movimentada embora tivesse tido um pouco de educação em seus estudos e soubesse como se comportar em ambientes mais refinados, pelo menos quando queria...

Vendo que os escravos estavam ali para atende-lo, lembrou-se de que desde o momento que sai de sua cela até o presente, sempre esteve a mercê dos infortúnios de Tymora, desprovido de uma "liberdade de ação", vendo nos escravos uma forma de equilibrar as coisas, falando com eles de forma calma e educada, tentando ganhar um pouco a simpatia deles e aumentar as chances de sucesso de seu pedido.

- Vocês foram ordenados a me servir, certo? Pois bem... Consigam para mim um arco, uma aljava, umas quinze flechas, uma espada e uma adaga, é apenas emprestado, devolverei antes de minha partida. Se conseguirem meu pedido, podem tirar o restante do dia e noite de folgas, é uma ordem minha, vocês merecem descanso.

Pela sua experiência, sabia o que era ser mantido cativo, contra vontade, obrigado a fazer o que não queria. Uma "ordem" como aquela não era algo que eles deveriam estar acostumados a receber sempre. Ganhar um pouco de confiança deles, adquirir armamento e abrir porta para possíveis contatos no futuro incerto, tudo com um simples pedido e ordem para relaxarem.


Fadime estava sendo bem cuidada, recebendo um tratamento digna de uma rainha, pelo menos pelos padrões de Urth, praticamente mudando de aparência. Reparou na ferida que desapareceu mas não estranhou muito, pois em suas viagens, viu diferentes formas que o arcano poderia curar uma ferida, seja atraves de runas em sua terra natal ou até mesmo fogo, em uma viagem que fez com piratas. Vai saber onde aquele "curandeiro" estranho aprendeu aquilo...

E então o soberano os convocaram novamente, informou os planos para noite e os dispensaram novamente, deixando Urth com uma cara do tipo "não bastava um simples papel informando?", mas ao que parece, nobres, independente de onde em Faerun estivessem, gostavam de uma pompa e exageros para exaltar sua magnificência e grandiosidade.

Após tudo, retornando ao quarto ele volta sua atenção a seus estudos, aguardando os escravos e começando a revisar seus encantos, começando a seleciona-las pensando em quais poderiam lhe servir melhor no próximo dia.


[off: preciso sair, daqui a pouco edito e coloco as magias]

________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
As Horcrux de Azkaban - Urth Wolfgan
Voltar ao Topo 
Página 4 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Mundo RPG :: PLAY BY FÓRUM :: Jogos :: ★ Forgotten Realms ★ :: Temporário-
Ir para: