Mundo RPG

O Lar do Rpgista Brasileiro
 
InícioInício  PortalPortal  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Dom Dez 05, 2010 2:57 pm

Descampado de Rohan – 10 de Março, ano 220 da Quarta Era.

O Sol acabara de descer no Oeste. A noite caia sobre o estranho grupo de anões que montavam acampamento debaixo de uma pequena saliência de pedra. Em Rohan havia uma brisa soprando o tempo inteiro, em virtude do terreno aberto do Descampado. Ali mal havia árvores, era uma terra composta quase que exclusivamente de verdes pastagens, por isso os cavalos de Rohan eram tão magníficos.

Mas cavalos não interessavam aos anões, muito menos àquele grupo. Estavam todos rabugentos e resmungões, como são, na maior parte do tempo, os anões. Mas aquele grupo estava mais irritadiço que o normal, pois estavam na estrada já havia muito tempo, dormindo sempre ao relento, comendo geralmente comida fria e sem gosto e, o pior para anões, tendo de conviver constantemente com o racionamento da cerveja.

O grupo começou a desembalar os utensílios para o acampamento: pederneiras, sacos de dormir, espetos para preparar a comida e um pequeno barril de cerveja para acompanhar a ceia. Brottor também se sentia um pouco irritado. Apesar de ser um viajante, já estavam na estrada, sem parar em um local adequado, havia muito tempo. O anão mais rabugento, chamado Náin, falou:

- Brottor, venha comigo, vamos fazer uma varredura e verificar se o lugar é seguro. E vocês dois – apontou para uma dupla de anões muito parecidos que começavam a desembalar a erva-de-fumo e cachimbos, agora muito mais sorridentes – Nada de fumar enquanto não prepararmos a ceia. Regrin, acenda uma fogueira, Fráin, comece a assar a carne.

O sorriso morreu no rosto da dupla (eram irmãos), mas puseram-se imediatamente a fazer o que lhes fora ordenado, não sem antes resmungar e xingar bastante. Enquanto os outros dois saíam e começavam a checar as terras num raio de alguns milhares de metros. As Terras de Rohan eram pacíficas, mas histórias estranhas começavam a chegar até mesmo aos ouvidos dos viajantes. E os anões ficaram sabendo, pouco antes de partir nessa última jornada, que orcs estavam novamente transitando por ali.

- Argh, não agüento mais viajar. Preciso parar em uma maldita estalagem o quanto antes. Beber cerveja e comer comida de verdade – Náin gritava alto, para que Brottor pudesse ouvi-lo de longe – E então Brottor, algo estranho por aí?

Spoiler:
 

________________________________________________
Devagar e sempre...


Última edição por Arvedui em Seg Nov 26, 2012 7:33 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Ter Dez 07, 2010 9:01 am

A falta de cerveja e comida quente me deixava extremamente irritado a ponto de ficar estalando os dedos a toda hora o que irritava ainda mais meus companheiros, mas isto já era normal, todos estavam irritados com algo.

Enquanto estava a observar o perímetro que me foi designado fico a resmungar o racionamento que precisamos fazer com a comida e a cerveja, antes de responder a Náin dou uma última olhada no local com mais atenção para que nada escapasse de meus olhos.



OFF - fiz o teste de Observar. Tive de editá-lo, pois tinha colocado o código errado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Ter Dez 07, 2010 7:19 pm

Os dois anões penetraram na escuridão sem estrelas do Descampado numa rápida varredura. Ao longe, ainda praguejando e xingando em voz alta, Brottor podia ouvir o outro anão. E, mais ao longe, falando rápido e baixo, a dupla de irmãos que ficara pra trás discutir sobre quem faria o que. Fora esses sons, não havia mais qualquer outro na noite. Era um silêncio opressor.

Brottor estava encerrando sua varredura quando algo lhe chamou a atenção. Alguns metros adiante, mesmo com a escuridão sufocante, pode perceber alguns rastros deixados por pés extremamente pesados. Sem dúvida alguma, rastros de orcs. Brottor não conhecia bem aquela região da Terra dos Cavaleiros, mas conhecia o suficiente para saber que Orcs tinha medo de andar por ali, pois os Cavaleiros de Rohan não deixavam escapar qualquer orc com vida.

Infelizmente Brottor não soube precisar se os rastros eram novos ou velhos. Sua habilidade no rastreio não era boa. Mas o fato de haver orcs transitando por Rohan era um sinal de alerta para o grupo de anões.

- Isso é inquietante. Vi umas marcas ali acima... pareciam ser de orcs. Espero não encontrar nenhum maldito ginchador por aqui ou ele vai se ver com meu machado. - disse Náin.

Mas em bem terminou de falar, um urro grotesco veio da direção em que os anões haviam armado acampamento...

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Qui Dez 09, 2010 9:13 am

Ao final da varredura puder perceber as pegadas deixadas pelos orcs, no mesmo instante me abaixo e fico ao lado das mesmas, e ouço as palavras de meu companheiro, dou uma leve risada para concordar com as suas falas e antes que pudesse responder ouço o urro vindo da direção de nosso acampamento. No mesmo instante levanto-me e começo a correr na direção dos outros dois anões com o escudo na mão esquerda e o machado na direita e grito a Náin:

- É a hora da caça.....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Sab Dez 11, 2010 9:31 am

A dupla segue rápido. Ambos tinham em suas expressões o calor da batalha que toma conta dos anões quando estão prestes a lutar. Era amedrontador vê-los em sua fúria, principalmente se seus amigos estivessem em perigo. Anões são extremamente leais e sua ira é temível. E assim o era naquele momento.

Ao chegarem ao local em que armaram acampamento, viram a bagagem espalhava pelo chão, as mochilas de viagem rasgadas e destruídas, vários pequenos pertences de todos estavam sendo queimados a um canto e bem ali, à sua frente, quatro enormes Orcs fuçavam ainda os pertences dos anões. Onde estariam os outros dois? Náin e Brottor não sabiam.

Mas nada que os machados dos anões não resolvessem...

OFF:

Pode atacar, vocês chegaram de surpresa e portanto tem um ataque surpresa. Mas rola também a tua iniciativa para o próximo turno ok?

Ataque: 2d6+Combate com Armas

Iniciativa: 2d6+Presteza

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Sab Dez 11, 2010 1:12 pm

Ao ver que nossos pertences estavam jogados em todos os cantos fico extremamente nervoso e a minha vista não conseguia ver nossos companheiros que estavam preparando a refeição e somente quatro orcs vasculhando todas as coisas.

Com muita raiva no corpo seguro firmemente meu machado e busco acertar as pernas do primeiro orc que está a minha frente para deixá-lo fora de combate. Logo em seguida fico a esperar a reação dos outros para continuar o ataque no próximo fedorento.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Sex Dez 17, 2010 12:50 pm

Os orcs se dão conta dos dois anões tarde demais. O orc atacado por Brottor sofre um profundo corte na perna e cai no chão desequilibrado, sem sequer ter tempo de empunhar a cimitarra. Náin, tão feroz quanto o companheiro, arranca o braço de um dos orcs no instante em que a abominável criatura tentava sacar sua espada. Os outros dois, vendo anões tão ferozes, começaram imediatamente a correr noite adentro fugindo desembestados.

Eram orcs miúdos, provavelmente meros batedores ou saqueadores. Estavam mal armados e não pareciam muito corajosos. Náin xingou-os e se meteu atrás de ambos enquanto gritava:

- Brottor, cuide desses dois aí até que eu volte.

Os outros dois estavam muito feridos. Um deles, sem o braço e o outro com um corte profundo na perna de onde jorrava um sangue negro e nojento. Olhavam para Brottor com olhos amedrontados, como se esperassem que o anão lhes fosse cortar fora a cabeça a qualquer momento. Murmuravam coisas na sua língua maldita, que era incompreensível para Brottor. Mas era como se suplicassem por suas vidas imundas. Estavam nitidamente aterrorizados com a perspectiva de serem mortos.

Não havia qualquer serventia para ambos, a não ser talvez darem a localização dos companheiros de Brottor que os orcs haviam levado, se é que ainda estavam vivos.

Spoiler:
 

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Dom Dez 19, 2010 6:17 pm

Ao ver os dois orcs caindo muito feridos solto um leve sorriso e olho os outros dois fugindo, prontamente penso em perseguí-los, mas Naín fora mais rápido o fizera, portanto, ficaria a minha disposição cuidar dos dois feridos que estavam a minha frente implorando por suas vidas.

Aquele que estava com a perna cortada e jorrando sangue dou-lhe uma machadada em seu pescoço afim de terminar com seu sofrimento e no outro dou um chute em sua barriga e com a voz firme e grossa o pergunto:

- Onde meus irmão de raça estão, seu verme imundo?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Qua Nov 28, 2012 6:15 pm

Liu-Kang escreveu:
- Onde meus irmão de raça estão, seu verme imundo?

O orc praguejou algo em sua língua maldita, e depois guinchou, como se estivesse rindo.

- A essa hora alguém já deve tá comendo as tripas deles. Pena que num vou chegar a tempo pro banquete! Hihihihahah - guinchou novamente - Você e o outro anão gorducho vão morrer também. Nosso mestre não gosta de anões.

Um esguicho de sangue negro saiu do braço amputado do orc. Ele não falou mais nada, apenas deixou no ar aquela última frase e se pôs a rir convulsivamente enquanto falava algo em sua língua brutal. Estava agonizando de dor, e o ferimento aberto já parecia estar gangrenando, tão imundo era o sangue. Aquele orc morreria em minutos.

Pareceu passar um tempo sem fim até que Náin retornou. Trazia consigo um par de cabeças de orcs e uma expressão carrancuda:

- Arranquei umas cabeças, mas nem sinal de Regrin e Fráin. Que faremos?

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Seg Dez 10, 2012 4:28 pm

A cada risada daquele ser imundo meu coração ferve e a vontade era de matá-lo o quanto antes, mas ele não merecia uma morte tão rápida, iria deixá-lo morrer com o passar do tempo, e assim se fez.

O tempo esperando Náin pareceu infinito, até que retorna, e o respondo com a expressão de sempre

- Este ser imundo disse algo que me deixou pensativo. Que o mestre deles não gosta de anões e que nós dois iremos morrer...devemos nos preparar para algum ataque.

- Vamos buscar um lugar seguro para terminar de passar a noite. Estes orcs deviam ser batedores, ou seja, deve ter alguma tropa destes infelizes aqui por perto.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Qui Dez 13, 2012 1:20 pm

Sem cerimônia, Náin corta a cabeça do orc moribundo e deixa-a fincada num pedaço de pau, enquanto queima o resto do corpo.

- Isso é por mexer com anões, filho da puta!

Os anões então fuçam o que restou dos suprimentos que os orcs não haviam saqueado e fazem uma refeição frugal e fria. Náin não ousou acender uma fogueira, já que ambos estavam ameaçados. Procuraram um lugar que oferecesse abrigo e camuflagem contra os olhos noturnos dos orcs e, então, descansaram. A noite não foi das melhores, estava frio e silencioso. Os anões sentiam muito sono, mas não ousavam dormir. Revezaram-se várias vezes durante a noite fazendo guarda, mas nada de estranho aconteceu.

Aquilo parecia apenas um ataque isolado, mas Brottor estava mais próximo da verdade: os orcs que os atacaram eram batedores e por onde havia batedores, havia um exército. Se um exército de orcs passeava pelo descampado de Rohan, provavelmente não demoraria até que os próprios cavaleiros de Rohan também aparecessem por ali, mas será que os roherim ainda mantinham vigilância por ali? Difícil saber.

- Dormi mal, tenho fome e quero cerveja. Malditos guichadores. Então, Brottor, você acha que há um exército deles por aqui? Se houver, Regrin e Frain já devem estar mortos. - falava com uma ira imensa, como se pudesse cortar todas as cabeças de orcs da Terra-Média ali mesmo. - E então, para onde vamos? Você conhece a região melhor que eu. Contanto que eu possa matar alguns orcs, não me importo de andar por léguas sem descanso.

Náin rapidamente põe tudo na mochila e fica olhando carrancudo para Brottor, esperando uma decisão. O rastro dos orcs ainda estava fresco próximo de onde os anões haviam dormido. Várias pegadas, algumas bem maiores - provavelmente de Uruk-hai -, todas seguindo rumo ao norte, em direção à floresta de Fangorn...

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Qui Dez 13, 2012 10:46 pm

A noite não foi nem um pouco confortável, porém serviu para demonstrar o ódio que temos dos orcs e nossa vontade de vingança, queremos encontrar nossos amigos ou então caçar seus assassinos.

-Também quero cerveja...vamos seguir estas pegadas, pelo tamanho delas, acredito que são de uruks-hai, então, ta preparado meu amigo para caçar alguns infelizes?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Sex Dez 14, 2012 10:13 am

A resposta de Náin foi um sorriso satisfeito, como uma criança que ganha um brinquedo. O robusto anão logo saca o machado, põe a mochila nas costas e começa a correr. O dia ainda estava escuro quando os anões partiram. Seu passo era rápido e firme, sempre seguindo as pegadas dos orcs, que eram fáceis de identificar. Era difícil determinar o número deles, mas devia ter mais de duas centenas, a julgar pelas marcas que deixavam no solo.

Após duas horas de caçada frenética, quando o sol já começava a despontar no horizonte, a dupla de anões avista à distância a densa floresta de Fangorn, uma mancha verde escura na meia luz da aurora. E, lá próximo, avistam também a batalha: de um lado, cavaleiros de Rohan, de outro, orcs, muitos deles... inclusive alguns Uruk-hai gigantescos, maiores do que os anões já haviam visto em suas vidas.

Náin fica louco de excitação:

- Rá! Eu sabia que os cavaleiros de Rohan não iam ficar dormindo enquanto orcs caminhavam por aqui! - o anão segurava o machado com as duas mãos, esquecendo o cansaço da noite mal dormida e da longa caçada, preocupado apenas em arrancar cabeças - - Vamos, Brottor... finalmente alguma ação. Se nossos irmãos estiverem mortos, ao menos podemos vingá-los com um pouco de sangue orc!

Dito isso, o anão já parte para a batalha. Estavam a cerca de 500 metros, mas podiam ouvir o tinir de lanças e espadas, bem com os gritos enlouquecidos os orcs.

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Sex Dez 14, 2012 6:21 pm

O corpo já estava cansado, mas a vontade em caçar os orcs é maior e depois de horas correndo avistamos a floresta e uma batalha ocorrendo entre os cavaleiros e os orcs, muito deles, e prontamente, Naín partiu para a batalha e o acompanho com o mesmo vigor com meu machado empunhado, pretendo chegar e atacar um uruk-hai logo no começo para impressionar o restante.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Sab Dez 15, 2012 5:16 pm

Ambos os anões percorrem rápidos os metros que os separavam da batalha. Grandes machados de guerra empunhados com vigor e força descomunal. Náin já entra no círculo de batalha arrancando uma cabeça de um orc menor, enquanto com outro golpe rápido arranca as pernas de outro que vinha atacá-lo. Em poucos segundos, já está cercado por três ou quatro orcs, mas o fogo de batalha queima em seus olhos e ele fica pra trás, para lutar.

Enquanto isso, Brottor visava a um Uruk-hai, sendo assim, entrou batalha adentro. Não demorou muito até que um IMENSO uruk-hai cortasse o caminho do anão. O Uruk carregava uma cimitarra absurdamente grande, e olhava intrigado para o anão intruso no meio da batalha. O monstro tinha quase o dobro do tamanho de Brottor, e parecia MUITO irritado, já que os orcs aparentemente estavam perdendo a batalha.

Levantou a cimitarra em posição de ataque e, sem perder tempo, baixou a lâmina num golpe certeiro, tentando partir o anão ao meio...

- GRRRRRRRRRRRRRRHHHHHHH!!!

Spoiler:
 

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Dom Dez 16, 2012 11:07 am

A medida que o combate se aproximava, as batidas de meu coração ficam mais rápidas, meus olhos percorrem cada pedaço daquele terreno e observa todos os movimentos, tinha certeza, que esta seria uma excelente batalha e que iria vingar seus amigos, e nada melhor que arrancar várias cabeças de orcs nesta linda manhã e depois colocar fogo nelas para sua alegria.

Naín ficou pelo caminho, inebriado com os outros orcs, mas queria algo a mais, queria um uruk e assim fui atrás, e não demorou para que um o dobro do meu tamanho apareça na minha frente e com muita raiva me ataque com sua cimitarra.

Meu ódio era tanto que o fitei com meus olhos vermelhos de raiva, e segurando firmemente meu machado o retribuo o ataque mirando sua cimitarra, queria partí-la ao meio e acertar os braços do infeliz.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Dom Dez 16, 2012 12:40 pm

O golpe de Brottor foi forte, MUITO forte, certamente o Uruk não esperava tanta força vinda de alguém tão pequeno, mesmo Brottor sendo um anão tão robusto. O machado de Brottor aparou o golpe da imensa cimitarra do orc, e tanta força foi colocada em ambos os golpes que uma faísca de fogo brilhou quando as duas lâminas de aço se chocaram. Mas em momento algum o Uruk-Hai vacilou. A espada continuou firme em sua mão, e não se partiu.

Ele não esperava um inimigo tão forte, mas isso só fez sua sede por sangue crescer mais ainda. Aproveitando o impacto do golpe de Brottor, o Uruk-Hai fez impulso e afastou para o lado a lâmina do machado, de modo que o torso de Brottor ficasse à vista. Sua lâmina então voltou, indo em direção à barriga de Brottor, acertando a placa de sua armadura com tanta força que fez o anão cambalear um pouco para trás. Contudo, não sofreu dano algum, embora a armadura apresentasse um arranhão profundo onde a lâmina acertou.

O inimigo também era fisicamente muito forte, e estava completamente enlouquecido por sangue:

- VERME INFELIZ!!! VENHA PRA MAIS PERTO PRA EU PODER PARTIR VOCÊ EM DOIS!

A loucura do Uruk é tanta que ele joga fora o escudo, segura a cimitarra com as duas mãos e chama novamente o Anão para o ataque.

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Dom Dez 16, 2012 1:14 pm

Golpe poderoso, um fagulha surgiu no momento do encontro da laminas, e o uruk foi rápido e esperto me acertando um golpe que me deixou ainda mais irritado, porém nada me ocorre.

Ao vê-lo jogando seu escudo pro lado e segurando a cimitarra com as duas mãos dou um leve sorriso, o que o faz se comunicar comigo, pedindo para me aproximar, e então digo com a voz seca:

- Vai acontecer o contrário, verme, você será partido em dois!

Cuspo pro lado esquerdo e aperto ainda mais meu machado e dou um passo pra frente, esperando que ele venha pra cima de mim, e assim que o fizer vou me movimentar para o lado esquerdo e acertar o seu flanco com minha lâmina com toda a minha força e gritando para demonstrar o ódio que sinto por essas criaturas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Dom Dez 16, 2012 6:05 pm

O Uruk-hai era forte, mas parecia não ter muita estratégia pra lutar. Se desfez do escudo imaginando que Brottor fosse lento. Cometeu um erro grotesco. O orc parte com tudo para cima de Brottor, num novo ataque. Dessa fez, segurando a cimitarra com as duas mãos, impõe muito mais força ao golpe.

A esquiva de Brottor foi feita no momento certo. Contudo, em virtude da pesada armadura que vestia, não foi rápida o suficiente. O golpe do orc acertou o ombro direito do anão. O golpe foi tão forte que amassou a ombreira da armadura. Embora a forte armadura dos anões tenha, mais uma vez, aparado o impacto do golpe, Brottor sentiu o aço da ombreira entrando em sua carne, e o sangue quente escorrendo pelo ombro.

Mas a adrenalina era tanta que o anão pouca atenção deu a isso. Seu golpe estava armado, sua esquiva pegou o oponente de surpresa. Com isso, o flanco do Uruk-Hai ficou completamente vulnerável. O golpe que se seguiu não foi coisa bonita de se ver. O machado de Brottor subiu com uma força descomunal em direção ao ombro/braço do Uruk, e um misto de carne, pedaços de osso e sangue voou na cara do anão, quando um pedaço do braço e do ombro do inimigo foram arrancados pela força do golpe. O braço pendeu sem vida, mas o Uruk ainda segurava a cimitarra com a outra mão.

Girando o corpo, o Uruk tentou um golpe horizontal, pra separar a cabeça de Brottor do resto do corpo, mas seu golpe foi lento, acertou Brottor no elmo, sem muita força, mas o suficiente pra amassá-lo próximo à bochecha direita do anão, que novamente sentiu o aço cortando sua pele e o sangue escorrendo. Mas agora o adversário estava com um braço inutilizado, com a guarda baixa e sem defesa...







________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Qui Dez 20, 2012 7:58 pm

Com o calor da batalha nem dou importância aos golpes que levei do uruk, os quais somente me deixavam com mais raiva e vontade de decepar este indivíduo. Ele é muito burro em estratégia de combate, porém é um adversário muito corajoso e resistente.

Logo após receber o golpe no elmo e ver que ele ficou totalmente desprotegido, giro meu machado para o meu lado com mais força e o levo em seguida, soltando outro grito, que mais parecia um cântico de guerra, em direção a seu peito, iria abrí-lo inteiro e quando for ao chão darei outra machadada em sua face, cuspindo nele momentos antes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Dom Dez 23, 2012 6:57 am

Daquela vez o Uruk não se safou. O golpe de Brottor foi o último que o orc chegou a ver. A violência do golpe foi tamanha que fendeu a placa de peito da armadura do Uruk, fazendo-o cair de joelhos aos pés de Brottor. Assim, anão e Uruk ficaram face a face, e Brottor pode ver o medo nos olhos de seu adversário antes de lhe decepar metade da cabeça com seu último golpe.

Assim caiu o primeiro de vários Uruks que Brottor derrubou. A batalha transcorreu sangrenta e muito violenta, mas com os primeiros raios de sol os orcs começaram a fraquejar. Aquilo foi o fim para eles. Os cavaleiros de Rohan fecharam o cerco, juntamente com os dois anões, que lutavam como se fosse a última batalha de suas vidas. Não demorou muito para que a batalha estivesse terminada, embora um pequeno grupo de orcs tenha fugido.

Ao final, Brottor e Náin pecorriam juntos o amontoado de corpos, na tentativa de encontrar seus dois companheiros de viagem. Contudo, só o que viam eram corpos de orcs e Uruks. Nada de anões. Ambos tinham certeza que seus companheiros haviam sido levados por aqueles orcs, não tinha como não estarem ali, a não ser que já estivessem mortos e devorados. Mas passaram apenas uma noite sob cativeiro. Não fazia sentido.

- Lutaram bem, bravos anões. Posso ajudá-los com algo? - a voz era de um alto cavaleiro de Rohan que, naquele instante, também percorria os corpos procurando alguma coisa. Parecia ter sido o único a notar os anões.

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Seg Dez 24, 2012 6:39 pm

O corpo ainda ardia devido a batalha e seu primeiro embate no campo de batalha, estava com o corpo dolorido, porém um leve sorriso podia ser notado em meu rosto, estava contente com o resultado.

Porém algo me intriga, a falta de pistas sobre meus companheiros, queria encontrar pelo menos o machado deles, ao revirar os restos mortais dos orcs e uruks um cavaleiro se aproxima e nos parabeniza, e com a voz firme e rouca o respondo:

- Sempre lutamos deste modo, ainda mais contra estes vermes e para piorar temos dois companheiros desaparecidos por causa deles. Estamos a procura deles e iremos a qualquer lugar para encontrá-los...nem que tenhamos de enfrentar todos os uruks da Terra Média.

Dou uma encarada no cavaleiro, passo o machado para minha mão esquerda e levo minha mão direita em sua direção para cumprimentá-lo e digo:

- Sou Brottor e este é Naín. Estávamos em viagem por essas terras até sermos atacados por batedores...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Qua Dez 26, 2012 7:46 pm

O homem surpreendeu-se com a fúria nas palavras de Brottor, mas foi gentil ao responder:

- Se seus companheiros eram anões, como vocês, sinto dizer-lhes que não havia nenhum deles entre os orcs, ao menos no momento que iniciamos a batalha. Então, a não ser que tenham arrumado algum jeito de fugir, provavelmente eles foram o jantar de ontem... - o homem tentou dizer isso de forma mais suave, mas não foi possível.

De fato, a esperança era pouca. Orcs odiavam anões, a não ser que estivessem assando numa panela. Os dois que haviam sumido do grupo de Brottor, então, não tinham qualquer característica especial que pudesse servir aos orcs. Brottor ouviu Náin praguejar de raiva, enquanto tirava a armadura para tratar um ferimento profundo. O cavaleiro de Rohan continuou:

- Mas vocês nos ajudaram bastante. Vi como lutaram bravamente, merecem ao menos nossa hospitalidade por esta noite. Se for de seu agrado, venham conversar com nosso líder, ele talvez possa ajudá-los: ninguém conhece essas terras melhor do que ele. Pode ser que ele tenha uma palavra ou outra de ajuda para vocês. Além do mais, anões de Aglarond são sempre bem vindos entre os cavaleiros de Rohan. Sua força e coragem é respeitada entre nós. - estendeu a mão para Brottor - Chamo-me Gúlfwine, sou capitão deste éored* de Rohan

Spoiler:
 



________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Seg Dez 31, 2012 7:38 am

Vendo que o cavaleiro foi calmo a tratar deste assunto tão delicado, fico um pouco mais tranquilo, ainda estava com o calor da batalha em minhas veias, e a falta da cerveja já está fazendo o meu humor mudar completamente. No momento em que diz para conversarmos com o seu líder, aceno positivamente com a cabeça afim de ir até ele, e o respondo:

- Se eles foram o jantar de ontem, então teremos muito trabalho pela frente, pois nossos amigos serão vingados, iremos caçar o maior número de orcs e uruks, enquanto estivermos em vossa terra...

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Sab Jan 05, 2013 11:07 am

O homem encara Brottor com satisfação. Gostava da coragem e da ousadia do Anão, contudo, parecia achar aquela atitude muito temerária, quase tola. Uma dupla de anões caçando orcs sem rumo só resultaria em uma coisa: morte. No entanto, o homem nada falou, apenas fez um gesto para que o anão o acompanhasse.

Percorreram o acampamento. Muitos dos Rohirim montavam uma pilha com os cadáveres dos orcs, para queimá-los. Equipamentos eram amontoados em outra pilha, sabe-se lá pra quê. Dentre os corpos, Brottor não via nada além de orcs, alguns maiores, outros menores... mas apenas orcs. Nem sinal de anões. Alguns homens de Rohan haviam perecido na batalha, o que era triste de se ver, haja vista que aquele povo era muito unido. Pranteavam seus mortos e seus cavalos com a mesma intensidade.

Após minutos de caminhada entre os mortos e feridos, Gúlfwine e os dois anões chegam a uma tenda armada fora do perímetro da batalha, e o homem de Rohan os convida a entrar. Lá dentro, sentado ao lado de um escudo quebrado e limpando uma espada suja de sangue está um homem, mais alto e mais loiro que qualquer outro dentre aqueles soldados.

- Então vocês são os anões que nos ajudaram na luta? Meus homens me falaram de vocês. Diz-se que raramente se viu anões com tanta sede de sangue orc. Me chamo Éomer, 2º Marechal da Terra dos Cavaleiros, líder deste éored. Digam-me seus nomes, meus nobres anões.

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Ter Jan 15, 2013 1:45 pm

Ao ver aquela figura percebo a diferença entre ele e os outros humanos, mas demonstra muita força, coragem e sabedoria, porém, algo o deixava temeroso. Após os elogios a nossa bravura em combate solto um leve sorriso e respondo:

- Sou Brottor e este é Naín, estávamos patrulhando nessa região juntamente com mais dois amigos, porém fomos surpreendidos com alguns batedores e só nós que sobramos, agora estamos a procura de nossos amigos.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arvedui
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1799
Idade : 104
Localização : Mundo da Lua
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Seg Nov 25, 2013 1:20 pm

Éomer e Brottor conversam por bastante tempo, trocando impressões acerca do ataque repentino de orcs. Ambos concordavam que não fora algo comum, não se tratava de uma mera legião de orcs atravessando Rohan a esmo. Aquilo tinha um motivo e uma finalidade, que nem anão nem humano conseguiam imaginar qual seria.

Contudo, Brottor não encontra ali os seus companheiros de viagem. A esta altura provavelmente estavam mortos, ocupando o estômago dos orcs também mortos. Os homens de Rohan preparam o acampamento para passarem a noite. Ninguém sabia nada acerca dos planos do Capitão Éomer, muitos expressavam sua vontade de retornar a Edoras, ao menos para descansar por uns dias, mas o príncipe errante não parecia gostar de passar muito tempo à sombra do palácio dourado.

O dia avança e logo a fogueira com os corpos mortos dos orcs está queimando. Os mortos estão enterrados e um breve ritual fúnebre é conduzido pelos vivos. A tristeza toma conta do acampamento, e até mesmo os anões, insensíveis a qualquer dor que não seja a sua própria, sentem o pesar que emana dos rohirim.

A batalha estava acabada, os cavaleiros de Rohan haviam vencido, os anões de Aglarond haviam ajudado na batalha, mas alguns haviam perecido, e não havia mais nada a ser feito naquele local. Gúlfwine, o capitão de Rohan, adentra a tenda de Éomer, interrompendo sua conversa com Brottor:

- Desculpe-me, Senhor... os cavaleiros de Rohan estão prontos para partir, se for esse seu desejo - vira-se para Brottor, com expressão de pesar - Desculpe-me, mestre Anão, mas não encontramos entre os mortos nenhum de sua raça. Creio que já estivessem mortos antes de a batalha começar. Lamento.

E sai sem dizer qualquer palavra.

Spoiler:
 

________________________________________________
Devagar e sempre...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Goran Pandev
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 973
Idade : 31
Data de inscrição : 23/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Seg Nov 25, 2013 3:25 pm

A conversa fora produtiva, o cavaleiro realmente era muito firme em suas palavras, assim como os anões. O enterro dos cavaleiros mortos em batalha foi comovente, pois todos demonstraram muita gratidão a eles. E, de certa forma, estava velando meus amigos desaparecidos.

A única vontade nesse momento era encontrar meus amigos, mas no fundo do coração, sabia que dificilmente os encontraria com vida. E sair a esmo procurando por orcs para vingar sua morte não era a melhor escolha. Tenho que usar a inteligência para decidir o próximo movimento. Isso significará muito na descoberta do motivo dos orcs estarem caminhando por essas terras.

Com a voz firme me dirijo a Éomer:

- Se não se importar queremos nos juntar a sua tropa para descobrir o motivo dos orcs estarem vagando por essas terras. Certamente eles querem algo que há por aqui.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kleiner
Administrador
Administrador
avatar

Número de Mensagens : 1810
Idade : 32
Data de inscrição : 13/07/2008

MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   Sab Jan 04, 2014 1:40 pm

- Prepare os homens Gúlfwine....

Éomer o olha com satisfação.
Se cada humano tivesse o ardor no coração como esse anão, nosso mundo seria muito mais digno.
- Mestre Brottor, eu gostaria de saber...para onde estavam indo quando perderam seus amigos?

________________________________________________

WhatsApp 41 9886 1050
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mundorpg.forumbrasil.net
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Caçando Orcs [Capítulo I - Liu]
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Caçador do Vazio - Capítulo - 4 - Irmão Caçador.
» A Rainha das Lâminas - Capítulo - 2 - O Véu de Raiva.
» TKCast Leitura de Capítulos #05 - Capítulo 5
» Cajado da Redenção - Capítulo 09 - Confissão.
» Grupo de Tradução da VN Tsukihime Procura Novos Membros

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Mundo RPG :: Senhor dos Anéis :: Crônicas de Arda-
Ir para: